VEJA NO VÍDEO: GOVERNADOR DÁ PITI AO SER COBRADO POR PROMESSAS NÃO CUMPRIDAS

O governador Rodrigo Rollemberg voltou a  subir nas tamancas diante de um cidadão que o abordou exigindo o cumprimento de uma promessa feita, durante a campanha eleitoral de 2014, quando jurou realizar eleições para administradores regionais do DF, caso eleito fosse. Rollemberg usou a segurança para tomar o celular do cidadão. Isso pode meu povo?

O fato ocorreu durante uma visita do governador  ao Setor habitacional Tororó, na manhã do último sábado (7). Rollemberg esteve na comunidade para assinar um decreto de regularização de três condomínios da região. Moram no Tororó cerca de 10 mil pessoas nos condomínios construídos em terras particulares.

Para conseguir a regularização ambiental do bairro os moradores do Tororó se cotizaram, por meio de uma associação que contratou uma empresa para a elaboração do projeto, aprovado pelo GDF em 2014. Em 2015, o governo Rollemberg exigiu que os moradores bancasse os projetos de macrodrenagem de todo o Setor.

Quem foi ao encontro de Rollemberg esperava ouvir do governador  mais do que discursos repetidos e ver um  simples ato de  assinatura de um decreto.  As estradas imprestáveis, que dão acessos a maioria dos condomínios e chácaras da região, vão continuar como estão.

A iluminação continua precária o que faz aumentar a  incidência de assaltos na região. No mesmo sábado, que o governador esteve no bairro, um grupo de bandidos interceptou e tomou um carro de um cidadão que passava com a família pela DF-140. Rollemberg deu sorte: “podia ser o carro do governador”, comentou a vítima.

Por causa de promessas não cumpridas, feitas durante a campanha de 2014, Rodrigo Rollemberg começa a ser abordado pelos brasilienses inconformados a onde quer que o governador vá.

No sábado não foi diferente. “O senhor vai ou não realizar eleição para administrador”, perguntou o cidadão. O governador ficou irritado e mandou tomar o celular de quem o abordou.

 

 

“TERRACAP NÃO ESTÁ AUTORIZADA A VENDER TERRAS DA UNIÃO”, DIZ ERICK VIDIGAL

O subchefe da Assessoria Jurídica da Presidência da República, Erick Biill Vidigal garante que não …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *