Regina Duarte estaria propensa em aceitar a proposta por se sentir deslocada na emissora e por apoiar o presidente Jair Bolsonaro
Regina Duarte estaria propensa em aceitar a proposta por se sentir deslocada na emissora e por apoiar o presidente Jair Bolsonaro

ELA DIRÁ SIM! Regina Duarte abrirá mão de salário de R$ 60 mil na Globo, para ser ministra de Bolsonaro

Convidada por Jair Bolsonaro para assumir a Secretaria Especial de Cultura no lugar de Roberto Alvim, demitido nesta sexta-feira (17) após divulgação de um vídeo nazista, Regina Duarte terá que abrir mão de um salário de no mínimo R$ 60 mil mensais que recebe da Globo. Ela conversa nesta segunda-feira (20) com o presidente.

 

Quando a atriz está no ar em alguma novela, a emissora ainda dobra o valor, que chega a R$ 120 mil mensais. Caso aceite o convite de Bolsonaro, Regina Duarte vai receber no governo R$ 15.689,26 reais de salário mensal, que é pago aos secretários.

Além do fator financeiro, Regina Duarte estaria propensa em aceitar a proposta por se sentir deslocada na emissora e por apoiar o presidente Jair Bolsonaro. A última participação dela em uma novela foi em Tempo de Amar, que terminou em março de 2018.

Segundo o jornalista João Batista Jr., da revista Veja, apoiadora do presidente, que por sua vez tem na emissora carioca uma grande inimiga, Regina não tem emplacado personagens marcantes em produções recentes.

Bolsonaro cogita recriar o Ministério da Cultura, rebaixado por ele no ano passado ao status de secretaria. Segundo interlocutores do Palácio do Planalto, a avaliação é que Regina Duarte  que goza de muito prestígio deve virar ministra da pasta da cultura.

O Ministério da Cultura poderá ser recriado por meio da edição de uma medida provisória, que passa a valer após publicação no Diário Oficial da União, mas precisa do aval do Congresso para continuar em vigor.

COMPARTILHAR AGORA

 

A FORÇA DO MITO | Bolsonaro venceria seus adversários, em 2022, segundo pesquisa da Veja

|Da Redação||RADAR-DF A  nova pesquisa eleitoral Veja/FSB, publicada nesta quinta-feira (13/02),  revelou que o presidente …