O padrasto acusado de matar duas crianças no bairro Santa Maria tomou surra na cadeia. Luciano Oliveira foi acusado por Juciara, a mãe, de ter executado as duas crianças, uma de seis e a outra de dez anos idade.

MOÍDO DE PORRADA| Presos surram padastro por ter matado duas crianças

A Polícia Civil abriu um procedimento criminal para apurar a agressão sofrida por Luciano de Oliveira, 35 anos, preso na última quinta-feira, 14, pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), suspeito de matar, em parceria com a esposa, os próprios filhos.

 

Segundo a delegada Carina Rezende, titular da 4ª Delegacia Metropolitana de Aracaju, o interno foi agredido por outro custodiado identificado como Marcus Vinicius Ferreira de Melo, 39 anos, que está preso temporariamente por tentativa de homicídio. Marcus tem sinais de esquizofrenia e foi ele o único autor da agressão.

Luciano foi socorrido pelos policiais civis e encaminhado para o hospital da zona sul para fazer exames e demais procedimentos médicos. A delegada Carina Rezende já começou interrogar Marcus Vinicius e demais testemunhas.

Luciano passa bem e deverá retornar a uma unidade policial da capital ainda hoje.

COMPARTILHAR AGORA

 

VEJA NO VÍDEO| Polícia “quebra” bandidos a tiros; três morrem e um fica ferido

Três suspeitos morreram e um ficou baleado durante uma troca de tiros que aconteceu na …