Após vitória do Flamengo, o treinador português desabafa sobre tratamento que recebe dos técnicos brasileiros: "Mentes fechadas"

“Não vim roubar o lugar de ninguém”, diz Jesus do Flamengo a técnicos brasileiros

Jorge Jesus desabafou após a vitória do Flamengo sobre o Grêmio, neste sábado, em Porto Alegre. Questionado sobre os treinadores brasileiros, o português afirmou não entender o tratamento que tem recebido dos colegas de profissão.

“Sou um treinador como eles. Não vim tirar lugar de ninguém. Não vim ensinar a ninguém. Não sou melhor nem pior do que nenhum. Queria lembrar aos meus colegas que em Portugal já trabalhou um brasileiro, o Scolari. O Scolari é acarinhado pelos portugueses. Autuori, Renê Simões, Abel (Braga) e muitos outros. Quando estiveram lá, tentamos aprender. Não havia essa agressividade verbal que há comigo. Não entendo essas mentes fechadas”, declarou Jesus em entrevista coletiva.

O próximo fim de semana será decisivo para o Flamengo. No sábado, a equipe jogará a final da Libertadores, contra o River Plate, em Lima, no Peru.

No domingo, secará o Palmeiras para conquistar o Brasileirão com quatro rodadas de antecedência.

COMPARTILHAR AGORA

 

VEJA ISSO! Deputada quer usar “boquetes” para deixar cidade cada vez mais bela

A deputada estadual e evangélica Mical Damasceno, uma das principais vozes na Assembleia Legislativa do …