Pressão dos trabalhadores da saúde bota Rollemberg de joelhos e evita remoção

O Sindicato dos Empregados em Estabelecimento de Saúde do Distrito Federal- Sindsaúde, conseguiu evitar o remanejamento de 29 servidores concursados do Instituto  Hospital de Base, que seriam trocados por comissionados e cabos eleitorais da campanha de reeleição do governador Rodrigo Rollemberg

Após intensa negociação, o Sindsaúde conseguiu o retorno dos servidores que haviam sido removidos do Instituto Hospital de Base, mesmo após afirmarem, quando da criação do Instituto, que pretendiam ficar na unidade.

Após uma semana de diálogo entre a presidente do SindSaúde, Marli Rodrigues, parlamentares, delegados sindicais, o diretor presidente do Instituto Hospital de Base, Ismael Alexandrino, e a Secretaria de Saúde, foi assinado ofício do IHBDF solicitando a cessão especial de 29 servidores.

O presidente Ismael Alexandrino afirma no documento que o retorno se dá por conta da necessidade de pessoal e garantiu ao SindSaúde, durante reunião, que faria o possível para o retorno dos servidores.

“É o início de uma mudança de postura. O IHBDF está revendo posições e já acertamos com a direção que todos que tiverem demanda para retorno ao Base, podem procurar o SindSaúde que cada caso será avaliado individualmente”, afirma a presidente Marli Rodrigues. Os delegados sindicais estão à disposição para ouvir demandas dos servidores.

Para Marli, quando há diálogo e sinalização de tentativa de solução, não há necessidade de buscar os direitos na Justiça

“A Direção do Hospital de Base demonstrou a todo tempo o interesse em dialogar e o retorno desses 29 servidores tem grande significado. Esse movimento mostra o poder de negociação do SindSaúde, que conseguiu justificar que essas remoções que não foram perdidas precisavam ser retratadas”, disse.

Os deputados que participaram de todas as negociações junto ao IHBDF são Wellington Luiz, Wasny de Roure, Celina Leão e Raimundo Ribeiro.

“Foi muito importante a participação dos deputados e esse caminho para a negociação política”, finaliza Marli.

COMPARTILHAR AGORA

 

Roubo no Buriti. Ladrões raspam o dinheiro do caixa

Criminosos explodiram dois caixas eletrônicos no anexo do Palácio do Buriti, sede do governo do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *