QUEM LIGA PARA PRINCÍPIOS NÃO DEVE ENTRAR NA POLÍTICA, DIZ LULA

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quarta-feira (21) que o PT quer fazer alianças eleitorais com o MDB – mesmo depois de Michel Temer e Eduardo Cunha, então eminentes líderes emedebistas, terem liderado a articulação para derrubar Dilma Rousseff, do PT, do Planalto. Desde o impeachment, o discurso dos petistas é de que Temer é “golpista” e “ilegítimo”

Questionado em entrevista à rádio Itatiaia, de Minas Gerais, Lula afirmou: “Não existe isso de ‘PMDB nunca mais’. O PMDB de Minas, por exemplo, foi contra impeachment da Dilma. Não é um PMDB só.” O petista destacou que, em cada Estado, o cenário partidário é um.

“Na hora em que você tiver que decidir alianças tem que pensar na somatória de forças para ganhar as eleições”, disse Lula, para quem, não adianta ser o “candidato perfeito” e não ser eleito.
“Quem quiser ser principista não faça política.” O ex-presidente está em Belo Horizonte para agendas partidárias, como parte da divulgação de sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto.

Postado por Radar/Fonte: Valor Economico

COMPARTILHAR AGORA

 

ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS: PARA JAQUES WAGNER, PT PODE SER VICE DE CIRO GOMES

Apontado como uma das alternativas do PT para a disputa da Presidência da República, o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *